Criminosos usam nome do arcebispo Metropolitano de Porto Alegre para aplicar golpes em igrejas.

Criminosos usam nome do arcebispo Metropolitano de Porto Alegre para aplicar golpes em igrejas.

Eles pediam dinheiro em troca de livros escritos por Dom Jaime Spengler, arcebispo metropolitano da Capital, e Dom Leomar Brustolin, bispo auxiliar.

 

Pelo menos quatro paróquias em Porto Alegre e em São Leopoldo, no Vale do Sinos, perderam entre R$ 150 e R$ 2,5 mil por caírem em um golpe em que criminosos pediam dinheiro em troca de livros escritos pelo arcebispo metropolitano da Capital, Dom Jaime Spengler, e pelo bispo auxiliar, Dom Leomar Brustolin.

Os golpes foram relatados para a Arquidiocese de Porto Alegre e teria ocorrido há pelo menos duas semanas, porém só foram divulgados nesta quarta-feira (10). Outras seis igrejas também foram procuradas pelos criminosos, mas não chegaram a entregar o dinheiro solicitado.

Segundo informações da Cúria Metropolitana da Capital, por telefone, os criminosos pediam o dinheiro em troca de livros. Eles ainda se passavam pelo bispo. No dia seguinte ao telefonema, um motoboy buscava o dinheiro nas paróquias. O material, no entanto, não era entregue.

A Arquidiocese de Porto Alegre reitera que não realiza este tipo de solicitação. Em caso de dúvida, a Cúria Metropolitana de Porto Alegre deve ser consultada por meio do telefone (51) 3228-6199 ou do e-mail [email protected]; e também orientações com a Polícia Civil.

Fonte:Gaúchazh.

Posts Carousel

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

Últimas Noticias

Top Authors

Comentados

Outros Videos