Aqui se faz…aqui se paga, padrasto e mãe são agredidos

Aqui se faz…aqui se paga, padrasto e mãe são agredidos

MENINA QUE FOI BRUTALMENTE ASSASSINADA NA FRONTEIRA DO RS, MÃE É QUEIMADA E PADRASTO AGREDIDO DENTRO DE PRESÍDIOS

A fronteira do RS se emocionou neste final de semana, após a triste notícia da morte da pequena Ana Clara, de 4 aninhos. Seu assassino, o padrasto, que era Foragido da justiça e atacou brutalmente a menina, provocando sérias lesões com golpes desferidos com as próprias mãos. Os médicos ainda tentaram salvar Ana, que estava sendo levada para Montevideo, no Uruguai, mas infelizmente ela morreu no caminho do hospital.

Os autores do homicídio que chocou a fronteira no final de semana estão sofrendo represálias dos presos. Enquanto aguardam julgamento atrás das grades, mãe e padrasto já sofreram agressões aqui no RS e na cidade de Montevidéu.

Durante a chegada dos mesmos, o descontentamento dos presos com a presença de ambos no Presidio do Carancho, na cidade de Rivera.

Segundo informações extraoficiais, o padrasto e autor das agressões que levaram a morte da pequena Ana Clara, foi agredido pelos demais presos, sendo necessário ser encaminhado até o hospital. Ao retornar, o mesmo foi transferido para outra ala, e logo após para a cidade de Montevidéu, junto com a mãe da vítima.

A mãe da vítima, que é investigada como cúmplice no homicídio, foi queimada com comida quente no presidio da capital uruguaia, sendo atendida no local.

Ambos estão em prisão preventiva de 180 dias enquanto ocorrem as investigações.

 

Fonte G1

Posts Carousel

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

Últimas Noticias

Top Authors

Comentados

Outros Videos