Mulher foi avisada de acidente que vitimou marido e filhos quando estava no ônibus

Mulher foi avisada de acidente que vitimou marido e filhos quando estava no ônibus

A volta para casa depois de dias visitando parentes foi abreviada de forma trágica para uma família de São Leopoldo no feriadão de carnaval. Pai e dois filhos e um amigo morreram depois do veículo onde eles estavam, um Gol colidir frontalmente com outro automóvel na RSC-287, em Taquari. Outras duas pessoas, que estavam em uma caminhonete Fiat Toro, com placas de Segredo também não resistiram aos ferimentos e acabaram falecendo.

Ambos os carros estavam com cinco ocupantes cada. Do Gol morreram Jorge Miguel dos Santos, 46, Richard Leon Rodrigues Cargnin, 7, Gilmar Cargnin, 40 e Jesseh Kauan Rodrigues Cargnin, 13. No carro, estava ainda Kaio Ruan Rodrigues Cargnin, 11, que segue hospitalizado no Hospital São Sebastião Mártir, de Venâncio Aires, mas que deve ser transferido até o início da tarde para o Hospital Centenário.

Da Toro, com placas de Segredo, faleceram Clarissa Marina Jahn, 39, e Ana Ilce Bulegon Jahn, 64, que eram mãe e filha. Ficaram feridos Ubirajara Moacir Unfer, 49, Nicolli Jahn Unfer, 10, e Natal Jahn, 65. Eles receberam atendimento médico e foram liberados.

Em São Leopoldo, no Morro do Paula, localidade onde residiam quatro das seis vítimas, o clima era de consternação e de incredulidade. Vizinhos comentavam perplexos sobre a fatalidade que abalou a família Rodrigues Cargnin. Cunhada de Gilmar e tia dos meninos Richard, Jesseh e Kaio, a doméstica Juraci Rodrigues da Silva, de 44 anos, apoiava a irmã, Jaqueline Rodrigues, sem ainda acreditar no que havia acontecido. “A ficha ainda não caiu”, disse.

Segundo ela, a família havia viajado na quinta-feira passada a  Faxinal do Soturno para visitar familiares de Gilmar. Ele e os filhos teriam ido de carona com Jorge Miguel dos Santos, amigo da família. Jaqueline, que também viajou, foi de ônibus. Na segunda, Jorge teria retornado para Faxinal para buscar os vizinhos. No caminho de volta ao Vale do Sinos, o carro em que estavam se envolveu no acidente. “A Jaque foi avisada dentro do ônibus sobre o que tinha acontecido com o marido e os filhos. Ela está desesperada, sob efeito de calmantes”, comenta.

De acordo com Juraci, os corpos das vítimas ainda não haviam sido liberados pelo Departamento Médico Legal (DML) até a manhã desta terça-feira (25). O velório da família deve ocorrer a partir do final da tarde na Igreja Pentecostal e o sepultamento  no Cemitério da Marlene, ambos localizados na Estrada do Morro do Paula. A reportagem ainda não conseguiu contato com a família de Jorge para confirmar local e horário de velório e sepultamento do corpo dele.

Fonte Jornal VS

Posts Carousel

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

Últimas Noticias

Top Authors

Comentados

Outros Videos